sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Goleiro Bruno Fernandes é solto após seis anos e meio na prisão

O goleiro Bruno Fernandes, condenado por matar em 2010 a ex-namorada Eliza Samudio, deixou a Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac), em Santa Luzia (MG), na noite desta sexta-feira (24). Ele estava acompanhado da mulher Ingrid Calheiros. A liberação foi determinada pelo ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), em decisão liminar (provisória) da última terça-feira (21). Ele aguarda julgamento de recursos após condenação.

Bruno saiu pela entrada principal, chegou a ser abordado por jornalistas, mas não respondeu às perguntas. Ele entrou em um carro que já o aguardava. O advogado dele, Lúcio Adolfo, disse que o goleiro está muito feliz.

Em 2013, Bruno foi condenado a 22 anos e 3 meses de prisão pelo assassinato e ocultação de cadáver de Eliza e também pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. Segundo decisão do ministro Marco Aurélio, o goleiro poderá ficar em liberdade enquanto o recurso contra a condenação não é julgado.

ILHÉUS: VAGAS DE EMPREGO NO CANABRAVA RESORT


O Canabrava Resort está com vagas abertas para doze cargos. O interessados devem enviar o currículo para o e-mail cv@canabravaresort.com.br. É obrigatório informar, no assunto do e-mail, qual a vaga desejada. As vagas estão disponíveis até o dia 10 de março de 2017.
Funções disponíveis: 
- Gerente de Manutenção
- Gerente de Hospedagem
- Governanta
- Maitre (turno das 9h às 17h20)
- Atendente (turno: 07h às 15h30, e de 15h às 23h20)
- Agente Operacional de Área (12x36)
- Aux. de Guest Relations (turno: 15h às 23h20)
- Aux. Gurd Manger (turno: 07h às 15h20)
- Aux. de Serviços Gerais (turno: 15h às 23h20)
- Camareira (turno: 9h às 17h20)
- Steward (7h às 15h20, e de 15h às 23h20)
- Supervisor (9h às 17h20) 

Reunião da Copa Metropolitana de Futebol sub 15 mobiliza dirigentes da capital e do interior


Prevista para iniciar entre março e abril próximos, a sétima edição da Copa Metropolitana sub 15 teve sua primeira reunião técnica preparatória no estádio de Pituaçu. O encontro mobilizou vários dirigentes do futebol de base com atuação em Salvador e em municípios como Terra Nova, São Francisco do Conde, Jacuípe, São Sebastião do Passé, Rio Real, Itaparica, Inhambupe, Santo Amaro, Amélia Rodrigues, Ipirá e Candeias, oportunidade em que receberam da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte e responsável pela organização, os primeiros informes sobre o campeonato.
Com previsão de reunir até 32 equipes na disputa do torneio, que tem inscrições gratuitas, a Sudesb pretende organizar os grupos regionalmente para facilitar a participação dos municípios, equilibrar a disputa e baratear os custos. Os jogos serão realizados aos sábados e domingos, com a partida final acontecendo antes da festa de São João. Logo após o Carnaval, o regulamento e a tabela da Metropolitana serão disponibilizados no site www.sudesb.ba.gov.br e no blog http://copametropolitanabahia.blogspot.com.br..
O torneio foi criado para servir de preparação aos times baianos para a Copa 2 de Julho, principal competição de base realizada pela Sudesb e que neste ano de 2017 comemora dez edições. “Nossa intenção com a Metropolitana é dar oportunidade a todos aqueles que têm trabalho de base para que apresentem e testem seus times, fazendo com que as equipes da Bahia cheguem mais qualificadas e competitivas na Copa 2 de Julho, que reúne times de todo o Brasil e também do exterior”, explica o coordenador de Excelência de Futebol da Sudesb, Sinval Vieira.
Futebol de base – Presente à abertura da reunião, o diretor geral da Sudesb Elias Dourado afirmou ser também objetivo da Copa Metropolitana o fortalecimento do futebol de base. Na sua opinião, é exatamente esse segmento “que trabalha para diminuir a enorme desigualdade que há no mundo do futebol, onde há salários estratosféricos numa ponta e na outra a dificuldade real de adquirir uma bola adequada para a prática esportiva. O futebol de base cumpre papel muito importante para a formação dos jogadores de sucesso do futuro”, lembrou o diretor, adiantando informações sobre projetos que a Sudesb, em parceria com o Ministerio do Esporte, pretende desenvolver neste ano para qualificar a gestão do futebol de base no estado.
Mais informações sobre a Copa Metropolitana podem ser adquiridas pelo email ceep.sudesb@sudesb.ba.gov.br e as notícias sobre o torneio podem ser acompanhadas no site da Sudesb e no blog da Copa Metropolitana.

PREFEITURA DE ILHÉUS ANTECIPA 30% DO 13º SALÁRIO PARA ANIVERSARIANTES

Prefeito Mário Alexandre. Imagem: Clodoaldo Ribeiro/Secom-Ilhéus.

A Prefeitura de Ilhéus vai pagar nessa sexta-feira (24) os salários deste mês, com uma novidade. Quem fez aniversário em janeiro ou fevereiro vai receber hoje 30% do 13º terceiro salário de 2017.

Segundo a Secretaria Municipal de Comunicação, o prefeito Mário Alexandre (PSD) explicou que o objetivo da antecipação é fazer o dinheiro circular na cidade, “ativando a economia”.

Marão elogiou o trabalho da equipe de planejamento orçamentário da prefeitura, “que tem buscado equilíbrio financeiro, sendo norteado pelo principio da economicidade e a correta aplicação dos recursos públicos do município”.

O secretário municipal da Fazenda, Elifaz Anunciação, afirmou que “apesar da aguda crise financeira que afeta as prefeituras brasileiras, a atual gestão criou o cronograma para pagar em dia o salário dos servidores”.


Galícia Venceu Jogo Treino

No jogo treino nesta manhã no Parque Santiago, o elenco profissional venceu o Sub-20 por 3 a 2.

Jogo bastante pegado no primeiro tempo terminando empatado com o placar de 2x2. No segundo tempo a equipe de juniores trocou todo o time para observação e tomou o terceiro gol.

Um jogo muito proveitoso, onde tanto os juniores como o profissional, aproveitaram pra avaliar melhor os seus atletas.

Após "pausa", Chapecoense reabre cadastro para novos sócios-torcedores



Depois de encerrar plano por preocupação de falta de espaço no estádio, clube libera novas vagas para sócios; diretoria estuda possibilidade de solicitação de check-in.

A partir desta sexta-feira, a Chapecoense aceitará novamente a adesão de sócios-torcedores. Após a tragédia com o avião que levava o time verde e branco para a final da Copa Sul-Americana, houve excesso de procura para novas associações, o que fez o clube encerrar novos cadastros e criar uma nova modalidade para os interessados em contribuir na reconstrução do clube. Depois de nova avaliação, a diretoria decidiu liberar novos cadastros e estuda implementar confirmação de presença dos sócios.

Depois do acidente de 29 de novembro, a Chape ganhou cerca de 3.000 novos associados e chegou à marca de 11.890 sócios-torcedores. Nesta modalidade, os participantes têm o direito de acessar o estádio gratuitamente nos jogos em que ao clube é mandante. A Arena Condá tem capacidade para 20.085 torcedores, o que gerou preocupação em não atender a demanda de torcedores. Assim, o clube encerrou temporariamente o plano para novas adesões e criou um novo modelo.

- Já ficamos desde janeiro sem novas inscrições de sócios-torcedores, porque estávamos preocupados com a limitação do nosso estádio. Mas após alguns estudos e reuniões com nosso conselho gestor entendemos que o estádio comporta novas inscrições. Temos ações que a gente pretende fazer no futuro para melhorar o atendimento aos nossos torcedores. Com essa prerrogativa de melhorias entendemos sim que comporta novos sócios torcedores - explica o vice presidente de patrimônio e marketing, Luiz Antônio Danielli.

O grande objetivo é ter nossa folha de pagamento coberta pela adesão de sócios. É uma grande meta e um grande desafio. Precisamos do apoio de muitas pessoas, de entidades e da imprensa nesse projeto. A Chapecoense não é de um dono, é da sociedade. Ela é de nós chapecoenses e com todos engajados nesse objetivo podemos chegar lá.

Luiz Antônio Danielli
Hoje, a Chapecoense não pede a confirmação com antecedência do associado que irá ao estádio, como fazem outros clubes no mundo. Assim, a diretoria fica com um impasse de quantos ingressos colocar à venda. Por um lado, se reservar um número menor de espaço no estádio do que de sócios-torcedores e ter uma grande venda de ingressos, corre o risco de superlotar o local. Por outro, se reservar espaço para os associados e eles não comparecerem à Arena, perde a oportunidade de contar com a força máxima da torcida. Assim, o clube estuda a possibilidade de solicitar um check-in antecipado dos sócios, o que daria para a diretoria o indicativo de bilhetes disponíveis para venda.

- Essa é uma situação que estamos avaliando com muita cautela e cuidado, pois é uma mudança de cultura. A exemplo dos grandes times do futebol brasileiro que já tem essa prática para que o sócio torcedor faça sua confirmação para ir aos jogos. Mas é uma coisa em estudo, depende muito da adesão de sócios e da estatística de público no estádio. Talvez não seja necessário, mas estamos com otimismo trabalhando com a possibilidade de essa ser uma ferramenta para trabalharmos no futuro - diz Danielli

A principal meta do clube neste momento é subsidiar a folha salarial com os valores arrecadados com sócios. Hoje o clube conta com 28.454 associados em dois planos distintos. Os valores para adesão estão disponíveis no site do clube.

- O grande objetivo é ter nossa folha de pagamento coberta pela adesão de sócios. É uma grande meta e um grande desafio. Precisamos do apoio de muitas pessoas, de entidades e da imprensa nesse projeto. A Chapecoense não é de um dono, é da sociedade. Ela é de nós chapecoenses e com todos engajados nesse objetivo podemos chegar lá - afirma o dirigente.

O próximo compromisso na Arena Condá é contra o Atlético Mineiro, pela terceira rodada da fase de grupos da Primeira Liga. Caso vença, a Chapecoense praticamente garante uma vaga na próxima fase. Antes disso, o clube enfrenta o Joinville, neste sábado, fora de casa, pela oitava rodada do Campeonato Catarinense.

Fonte:GloboEsporte.com/sc

PUBLICADO POR: JOÃO VITOR.

Depois de cogitar reservas, Mancini relaciona equipe principal para viagem



Apesar da pequena chance de conquistar título do primeiro turno do estadual, Chapecoense deve ter time principal diante do Joinville, na noite deste sábado.

Depois da vitória da Chapecoense em cima do Metropolitano, pela sétima rodada do Campeonato Catarinense, o técnico Vagner Mancini afirmou que pensava em uma mudança de estratégia no decorrer das competições. Pelas poucas chances no estadual e a possibilidade de classificação na Primeira Liga, a tendência era utilizar uma equipe alternativa no campeonato local e o time titular contra o Atlético-MG, na próxima semana. No entanto, o time que viaja a Joinville vai ser mesmo o time principal.

Douglas Grolli suspenso, não joga. Para o seu lugar, Mancini tem a opção de Fabrício Bruno e Luiz Otávio. Gabriel Busanello, lateral-esquerdo promovido das categorias de base, estará no banco de reservas da Chape. O atacante Wellington Paulista, que cumpriu suspensão no jogo contra o Metrô, está à disposição da comissão técnica.

Na manhã desta sexta-feira, o time fez o último treino antes da viagem para enfrentar o JEC. Sem coletivo, os jogadores fizeram atividades leves, como bobinho e também a disputa de um rachão. A equipe embarca às 13h30 para Florianópolis e depois pega um ônibus para a cidade de Joinville.

O técnico Vagner Mancini pretende reavaliar a equipe na manhã de sábado, para escolher os jogadores que vão a campo. Pela maratona de jogos, alguns atletas relataram cansaço. Assim, o treinador estuda mudanças pontuais no time. A provável Chapecoense é: Artur Moraes; Diego Renan, Fabrício Bruno, Nathan e Reinaldo; Amaral, Andrei Girotto e Dodô; Niltinho, Rossi e Wellington Paulista.

Joinville x Chapecoense - oitava rodada do Campeonato Catarinense
Hora e local: 19h30 (de Brasília), Arena Joinville.

Provável Chapecoense: Artur Moraes; Diego Renan, Fabrício Bruno, Nathan e Reinaldo; Amaral, Andrei Girotto e Dodô; Niltinho, Rossi e Wellington Paulista.

Arbitragem: Ramon Abatti Abel apita a partida, auxiliado por Carlos Berkenbrock e Maíra Americano Labes.

Transmissão: Premiere (com Luiz Augusto Xavier e Edson Militão).
 Fonte:GloboEsporte.com/sc

PUBLICADO POR: JOÃO VITOR.

Chapecoense mantém antiga parceria e define patrocínio master para 2017





Cooperativa de alimentos Aurora já tinha parceria com o clube alviverde para marca nas omoplatas da camisa; Caixa Econômica Federal também deve seguir no clube.

Depois da especulação sobre um possível acordo da Chapecoense com uma empresa aérea do Catar, finalmente o clube chegou a um desfecho de quem será o patrocinador master na temporada de 2017. A Aurora, empresa que já tinha acordo com o Verdão para ocupar as omoplatas do uniforme, agora terá destaque principal da camisa. A Caixa Econômica Federal, antiga patrocinadora, deve permanecer com parceria com a Chape.

O clube ainda não confirma os valores acordados com a empresa. No início do ano, com a viagem do presidente Plinio David De Nes Filho, o Maninho, para o Catar, levantou-se a hipótese de a Chapecoense receber patrocínio de uma empresa estrangeira. No entanto, o mandatário afirmou que a visita foi apenas uma cortesia e que a prioridade era da Caixa, que havia patrocinado a Chape por três anos na Série A do Brasileiro. Por não chegarem a um acordo sobre os valores, o clube catarinense buscou alternativas para melhorar a arrecadação.

Desde o início das negociações de patrocínio, o Verdão desconsiderou tirar a marca da Aurora do fardamento. A empresa foi a principal patrocinadora na campanha da Série B e possui forte ligação com a Chape por se tratar de uma empresa local e pelo histórico de parceria. Com a entrada da Caixa no uniforme, a cooperativa passou a ocupar as omoplatas da camisa.

A tendência é que o time use a peça com a marca do novo patrocinador neste sábado, contra o Joinville. No entanto, ainda faltam alguns ajustes para que isso aconteça. Antes de fechar acordo com a empresa, a equipe utilizou o espaço principal da camisa para fazer campanha por novos associados.

Fonte:GloboEsporte.com/sc

PUBLICADO POR: JOÃO VITOR.

Recuperado, Berrío fica à disposição para Flamengo x Vasco.



LANCE: O atacante Orlando Berrío foi a grande novidade do treino do Flamengo, na manhã desta sexta-feira, no Ninho do Urubu. Ele voltou a treinar com bola, ao lado dos demais companheiros, e fica à disposição do técnico Zé Ricardo para o jogo contra o Vasco, neste sábado, pela semifinal da Taça Guanabara. O colombiano ficou fora dos dois últimos jogos do Flamengo por causa de um desconforto na coxa esquerda.

O meia Conca fez exercícios físicos no gramado e também algumas atividades com bola. Auxiliado pela preparação física, o atleta deu alguns toques na "pelota", dando indícios da sua evolução. Depois, ele participou de um "bobinho" e também de um "golzinho" com outros jogadores. O camisa 19 está em recuperação de uma cirurgia no joelho esquerdo e pode voltar em abril ou maio.

Conca teve a companhia de Donatti e Ederson. O zagueiro sentiu um desconforto no joelho direito na partida contra o Ceará, na última quarta-feira. Já o camisa 10 ainda segue em recuperação do edema ósseo sofrido em julho do ano passado. Ele vem treinando no campo há algum tempo, mas não tem previsão oficial de retorno aos jogos.

Boa parte do treino desta sexta-feira foi fechado à imprensa. Os jornalistas puderam acompanhar somente o tradicional rachão na véspera de um jogo.

Com uma contusão no tornozelo direito, o atacante Leandro Damião desfalca o Flamengo mais uma vez diante do Vasco. Ele ainda se recupera da pancada que recebeu na partida contra o América-MG, pela Primeira Liga, e não foi a campo nesta sexta-feira.

Fonte:www.flaresenha.com

PUBLICADO POR: JOÃO VITOR.

MULHER ANUNCIA VENDA DE APARTAMENTO DO “MINHA CASA” EM ILHÉUSr

Na madrugada desta sexta-feira (24), uma mulher publicou no Facebook anúncio de venda de um apartamento do programa Minha Casa, Minha Vida. Um internauta registrou a mensagem e nos enviou. Segundo a anunciante, o imóvel faz parte do condomínio Morada do Porto, perto do Banco da Vitória, em Ilhéus.

A vendedora também divulgou o preço do apartamento, 16 mil reais, e um número de telefone para contato.

Outro usuário do Facebook chegou a comentar que vender imóveis do programa “dá cadeia”. Não é bem assim. A venda pode ser feita, desde que o beneficiário a faça após cumprir requisitos do Minha Casa.

Regras do programa

Conforme as regras do Minha casa,  os beneficiários que têm rendimentos mensais de até R$ 1.600, ou seja, aqueles considerados da Faixa I do programa, não podem comercializar ou alugar a residência antes de terminar o prazo do financiamento, que é de 10 anos. No caso das Faixas 2 e 3, por se tratar de operações de mercado, nada impede a venda do imóvel logo depois da assinatura do contrato de financiamento.

Caso o beneficiário oferte o imóvel à venda ou para aluguel antes da quitação da dívida, ou ainda se firmar “contrato de gaveta”, estará caracterizada a irregularidade. Neste caso, a Caixa Econômica Federal, responsável pelo programa, pode pedir na Justiça a retomada do imóvel.

Durante o curso da ação de retomada do imóvel e antes de sua consumação, o beneficiário pode quitar a dívida pelo seu valor integral e evitar a perda da propriedade.